Criadores de caprinos e ovinos de MS devem regularizar estoques de rebanhos, alerta Iagro

A Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) está alertando os criadores de caprinos e ovinos de Mato Grosso do Sul de que eles devem fazer a regularização dos estoques dos rebanhos.

A agência ressalta que os criadores podem aproveitar a vigência do prazo de declaração da vacinação contra a febre aftosa dos rebanhos bovinos e bubalinos do estado, para acessar o sistema da Iagro e fazer a atualização de forma rápida e simples, sem custos ou penalidades.

Conforma a Iagro, após o fim do prazo para declaração da vacinação contra a aftosa, as atualizações voltarão a ser realizadas somente nas unidades locais da Iagro.

A obrigatoriedade da declaração do saldo e do ajuste de saldo dos rebanhos caprinos e ovinos foi estabelecida em outubro de 2018, por meio de portaria da Iagro. O descumprimento pode resultar em penalidades como multas, medidas sanitárias e impedimento para a movimentação dos rebanhos.

O Censo Agropecuário do IBGE, aponta que em 2017, o estado tinha um rebanho de aproximadamente 25,7 mil cabeças de caprinos, espalhados por mais de mil propriedades rurais. Já o número de ovinos era dez vez maior, 258,2 mil, em 7,5 mil propriedades.